HOMO DEUS

HOMO DEUS

 

     No fim do ano, resolvi presentear uma estagiária deste juízo com quem tenho afinidade, pelo seu espírito inquisitivo e curiosidade, com o livro Homo Deus, de Yuval Noah Harari, que trata de importantes questões acerca do futuro da humanidade. O presente foi recebido com muita graça e alegria, e mil promessas de leitura intensa e compartilhamento posterior de impressões.

      Passou o tempo e nada de comentários. Ontem, reclamei e  recebi a resposta rápida: “estou lendo, doutor, até já consegui uns “gatinhos” com ele no Rio, vou à praia com ele debaixo do braço e os gatos começam a fazer contato. No aeroporto também já fui abordada. Um até me mandou mensagens com trechos do outro livro dele. Presentão, doutor, mas estou lendo devagarinho.”

     Ô, mô Deus.