ARISTIDES

     O nome Aristides é difícil de se ver. Apenas pessoas mais velhas o ostentam e são cada vez mais raras. Em Florianópolis é um nome não tão invulgar, por causa da colonização açoriana e da recorrência dele em Portugal. No Brasil, segundo o “Nomes no Brasil”, do IBGE, estima-se que há 15.308 pessoas chamadas Aristides. Onde elas mais se concentram é em Santa Catarina, com maior número de nascimentos na década de 40 e 50. (http://portrasdonome.blogspot.com.br/2016/12/aristides.html).

      Aristides significa  “aquele que é da melhor espécie” ou “excelente tipo” e tem origem na Grécia, com essa conotação.  Segundo a Wikipedia, o termo grego, por sua vez, surgiu a partir da junção dos elementos αριστος ​(aristos), que significa “melhor”, e ειδος (eidos), que quer dizer “tipo” ou “espécie”. Uma das personalidades históricas mais populares com este nome foi Aristides de Atenas (535 a.C – 468 a.C), conhecido também como “Aristides, O Justo”.

      Apesar de serem poucos, o Brasil gerou muitos Aristides no mundo político, o que não deixa de ser quase um paradoxo.

      O nome, é claro, não faz o homem e às vezes há até mesmo um antagonismo entre os dois. Houve um Aristides assim (fora do legislativo). Chamava-se Aristides de Souza Mendes, e foi um diplomata português da primeira metade do século xx. Sua carreira de 30 anos foi marcada por inúmeros conflitos que o envolviam em condutas indignas, cobranças e apropriação de taxas indevidas, manipulação de recursos, abandono de postos e uma dose de oportunismo político. Entretanto, teve uma epifania em 1940, quando era Cônsul em Bordeaux, e concedeu cerca de 30 mil vistos ilegalmente a judeus que precisavam emigrar, fugindo da perseguição nazista, ignorando a proibição expressa do governo de seu país. Fez isso trabalhando freneticamente durante vários dias e noites. Após sua morte, foi declarado pelo Estado de Israel “justo entre as nações” e permanece como o indivíduo que, sozinho, foi responsável pela maior operação de resgate durante o Holocausto. Com essa atitude, Aristides fez jus ao mais abrangente significado de seu nome.

     Aristides de Souza Mendes foi o Schindler português, a sua maneira.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s